Mostrando postagens com marcador Uma mulher chamada Abigail. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Uma mulher chamada Abigail. Mostrar todas as postagens

sábado, 15 de março de 2014

Uma mulher chamada Abigail

Uma mulher chamada Abigail

Caros leitores, graça e paz a todos!

Toda vez que leio a Bíblia no livro de Samuel e me encontro com essa mulher maravilhosa e ímpar chamada Abigail, fico igualmente fascinado por ver nessa grande mulher virtudes e qualidades ultimamente em estado de extinção. Abigail é uma mulher de coração generoso e de uma personalidade extremamente cativante, é realmente um belíssimo exemplo de mulher.
Boa leitura!

“E era o nome deste homem Nabal, e o nome de sua mulher Abigail; e era a mulher de bom entendimento e formosa; porém o homem era duro, e maligno nas obras, e era da casa de Calebe”. 1 Samuel 25:3


Abigail encontra Davi


A historia de Abigail foi registrada exatamente num período de muito conflito e autoritarismo, um período em que o machismo era extremamente predominante e não havia espaço para as mulheres. A brilhante historia dessa mulher aconteceu por volta do ano 1.000 A/C (antes de Cristo) em um ambiente conturbado e conflituoso.
Em Israel o clima político passava por constantes turbulências interna de um lado o rei Saul sob o pretexto de combater o inimigo do reino, e do outro, Davi que fugia para sobreviver e esperar o tempo certo para ser aclamado rei desse reino. 
Depois que o Senhor Deus ordenou que o profeta Samuel ungisse Davi como rei de Israel, o rei Saul não lhe deu trégua e o buscou em todos os lugares, e para se esconder Davi e seus 600 homens, guerreiros, passaram por um período de constante movimentação fugindo e se escondendo o tempo todo. Os esconderijos de Davi eram praticamente na região desértica as margens do Mar Morto, entre esses lugares destaco: En-Gedi, o deserto de Parã, o deserto de Zife, o deserto de Maon, e aldeias como o Carmel (Carmelo), e Ziclague.
*Detalhe: Carmel ou Carmelo, não tem nada haver com o monte Carmelo, que fica 323 km ao norte de Israel próximo ao porto de Haifa, o Carmelo onde Davi peregrinava era uma pequena aldeia ao sul de Hebron, herança de Calebe, e quem ali vivia era denominado: carmelitas. “E Davi permaneceu no deserto, nos lugares fortes, e ficou em um monte no deserto de Zife; e Saul o buscava todos os dias, porém Deus não o entregou na sua mão”. 1 Samuel 23:14

Nabal, o sem juízo.

Nessa região desértica, na cidade de Maon havia um homem muito rico e poderoso chamado Nabal, naquele lugar todos sabiam das atrocidades praticadas por esse fazendeiro que também possuía terras na aldeia do Carmel e um notável rebanho de quatro mil ovelhas e cabras.
As Escrituras Sagradas apresenta Nabal que em hebraico significa “sem juízo”, como um homem duro e maligno nas obras, soberbo, arrogante e completamente perverso. Aconteceu que